quarta-feira, 6 de maio de 2015

cidadão Welles

"É mais divertido olhar adiante do que para o passado. 30 anos de carreira dão para muito, mas não posso esquecer que passei esse tempo sozinho".

Assim agradeceu o Orson Welles o Oscar honorário que a Academia lhe ofertou, em 1971.

O cineasta, que hoje faz um século de vida, não esteve presente na cerimônia. Mandou um vídeo com o agradecimento diretamente para o colega John Huston, que lhe faria a entrega no palco.

Um agradecimento à altura da genialidade de um dos cineastas mais decisivos para a definição CINEMA.

Nenhum comentário: