terça-feira, 28 de junho de 2016

o tempo não para

Durante oito anos o fotógrafo Barry Feinstein acompanhou Bob Dylan em uma turnê pela Europa, em gravações, shows e passeios.

Real Moments: Bob Dylan 1966-1974, livro lançado em 2008, reúne belíssimas e surpreendentes fotografias, muitas pouco divulgadas.

Feinstein tinha feito em 1963 a clássica foto do jovem Dylan que estampa a capa de The Times They Are A-Changin, terceiro álbum de estúdio, lançado em janeiro de 64, alguns meses depois do assassinato de Kennedy.

O fato perturbou o cantor, que trazia no disco letras fortes sobre mudanças sociais e políticas, como diz o título, e com melodias inspiradas no folk irlandês e escocês. No disco seguinte Dylan abandona um pouco essas influências e mergulha nas inquietações da geração beat.

Nenhum comentário: