domingo, 5 de maio de 2019

este e o outro lado

Tenho uma grande curiosidade do Outro Lado.
(Que haverá do Outro Lado, meu Deus?)
Mas também não tenho muita pressa...
Porque neste nosso mundo há belas panteras, nuvens, mulheres belas,
Árvores de um verde assustadoramente ecológico!
E lá - onde tudo recomeça -
Talvez não chova nunca,
Para a gente poder ficar em casa
Com saudades daqui...

- poema de Mario Quintana, publicado no livro Velório sem defunto , 1990
Na foto de Liane Neves, o poeta sem muita pressa na sua Travessa dos Venezianos, Porto Alegre, 1986, oito antes de seguir para o outro lado, no dia 5 de maio, no Hospital Moinho de Ventos.

Nenhum comentário: