quinta-feira, 24 de novembro de 2005

mergulhando nas raízes


"A vocação do cinema brasileiro é mergulhar nas raízes da nossa diversidade cultural e irradiar para o resto do mundo uma universalidade exuberante, genuinamente brasileira, que está abrindo novos caminhos para a arte mundial e também para o futuro do planeta."


Evaldo Mocarzel, diretor do documentário “À margem do concreto”, que concorre hoje na mostra de longa 35mm no 38º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.

Nenhum comentário: