quinta-feira, 10 de novembro de 2005

cinema e internet




Uma novidade para o pessoal da área de cinema e outras mídias.
No dia 1º de dezembro próximo acontecerá em Vitória, Espírito Santo, o I Festival de Baixa Resolução. A coisa é esquisita, mas é verdadeira e interessante. A Internet é uma mídia com personalidade e conteúdo próprios, alimentada por uma multidão de quase-anônimos que não se conhecem. Numa tentativa de mapear todo esse conteúdo original e “culpar” os responsáveis, o capixaba Cine Falcatrua abre as inscrições para esse festival específico. Os vídeos para a pré-seleção devem ser enviados até o dia 15 de novembro para o endereço eletrônico cinefalcatrua@gmail.com. Para participar, o vídeo tem que ser encontrado na web, somente na web. Pode ser conteúdo original ou alterado, hypes audiovisuais, caps de programas de tv suburbanos, animações em flash, montagens com videogame, videoclipes toscos, paródias, redublagens, etc


Eis o que diz o regulamento:
1. Não há restrição de suporte, nacionalidade, ano de produção, gênero, duração, inclinação ideológica ou conteúdo;
2. As obras podem estar em qualquer resolução, estado de conservação, compactadas em qualquer formato/codec, disponíveis para qualquer plataforma, com ou sem áudio, e até mesmo sem vídeo;
2.1. Por favor, nada de screeners ou telecinagens do último sucesso de Hollywood;
3. Cada concorrente assume automaticamente responsabilidade pela obra que inscreveu, mesmo que não a tenha realizado;
3.1. Caso mais de uma pessoa inscreva a mesma obra, ela passa automaticamente a ser considerada uma obra coletiva. Caso venha a ser premiada, cabe aos responsáveis dividirem o prêmio como melhor lhes aprouver;
4. A pré-seleção, caso seja necessária, será baseada no bom-senso da comissão curatorial e nas restrições logísticas do evento;
5. As obras classificadas estarão sob o escrutínio de um júri qualificado, composto por profissionais da área, jornalistas e representantes dos patrocinadores;
5.1. O júri premiará a obra que achar mais legal (isto é, "mais inusitada", "mais política", "um soco no estômago", "desbunde estético", "uso revolucionário do meio" ou "ai, que luxo!");
5.2. O júri também pode distribuir menções honrosas à vontade, desde que não custem nada para a organização;
5.3. O prêmio será um troféu e uma grade de cerveja;
5.4. A decisão do júri é suprema, absoluta e irrevogável;
6. A organização se reserva no direito de exibir extratos dos vídeos selecionados para a divulgação do evento;
7 As cópias enviadas para pré-seleção passarão a pertencer a inbox da nossa conta de e-mail, podendo ser exibidas em programações não-comerciais ou encaminhadas como spam.




Claro, meus caríssimos meia dúzia de leitores deste blog, depois dos itens do regulamento vocês têm o direito de continuar achando que é brincadeira. Mas não é. É tudo verdade, como diria Orson Welles.

Nenhum comentário: