segunda-feira, 25 de julho de 2016

escrever

"Ao escritor resta, como ponto de partida, a perplexidade. Não existe outra maneira de escrever. Ele deve prosseguir, mesmo sem saber o que deseja encontrar."

- José Castello, jornalista e escritor, em A literatura na poltrona – Jornalismo literário em tempos instáveis, 2007.

Hoje, 25 de julho, comemora-se o Dia Nacional do Escritor.

A data surgiu em 1960, quando Jorge Amado e João Peregrino Júnior realizaram o 1º Festival do Escritor Brasileiro, organizado pela União Brasileira de Escritores.


Um dia comemorativo é bom para lembrar que todos os dias são comemorativos, pelo trabalho, pelo ofício, pelo sacrifício, pelo desejo, pelo prazer, pelo apego, pela ausência, pela esperança, pela saudade.

Nenhum comentário: