terça-feira, 18 de julho de 2017

noites de Fellini

“Ir ao cinema é como voltar ao útero. Você se senta na escuridão e espera surgir a vida na tela”
- Federico Fellini
Cena de Que estranho chamar-se Federico (Che strano chiamarsi Federico), de Ettore Scola, 2013.
Baseado em recordações pessoais do diretor, o filme mostra os primeiros anos da carreira de seu amigo Fellini.

Nenhum comentário: