segunda-feira, 30 de janeiro de 2006

prêmios para o jardineiro

Fernando Meirells (D) dirige Ralph Fiennes e Rachel Weisz em "O jardineiro fiel"

O longa "O jardineiro fiel" (The constant gardener), dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles, foi escolhido o melhor filme no 33.º Evening Standard British Film Awards, concedido às melhores produções do cinema da Grã-Bretanha. Ralph Fiennes foi eleito melhor ator por seu personagem no filme, adaptado do romance de John le Carré. Os prêmios são os últimos concedidos à obra de Meirelles, que já recebeu dez indicações para o prêmio da Academia Britânica, o Bafta, e será entregue em 19 de fevereiro.

Nesta terça-feira, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciará os candidatos à 78.ª edição do Oscar. O longa de Meirelles está entre os favoritos a receberem uma indicação ao prêmio de melhor filme, ao lado de "O segredo de Brokeback Mountain", de Ang Lee, vencedor do Globo de Ouro.

Acredita-se que 2006 será o ano do cinema independente com tema político ou, pelo menos, com consciência social. "O jardineiro fiel" mostra a exploração de países africanos pela indústria farmacêutica, que usa populações como cobaias. O filme de Ang Lee é baseado em uma narração de Annie Proulx sobre a impossibilidade de dois rudes cowboys demonstrarem seu amor homossexual com liberdade diante das pressões sociais da época.

Meirelles, que já foi indicado ao Oscar de melhor direção por "Cidade de Deus" em 2004, concorreu nesta categoria do Globo de Ouro por seu novo filme e também pode estar entre os indicados ao prêmio da Academia. A atriz Rachel Weisz, estrela do longa, no papel da mulher de Ralph Fiennes, foi premiada com o Globo de Ouro de melhor atriz coadjuvante.

Nenhum comentário: