sábado, 22 de agosto de 2015

olhar

Moscow Circus, União Soviética, 1954

"Temos que ver, olhar. É tão difícil fazer isto.
Estamos acostumados a pensar, todo o tempo.
É um processo muito lento e demorado, aprender a olhar.
Um olhar que tenha um certo peso, um olhar que questione.”

Não há nada a dizer."
 
- Henri Cartier-Bresson

Hoje ele faria 107 anos olhando os olhares.

Nenhum comentário: