domingo, 11 de junho de 2017

ciudad porteña de mi único querer



"Mi Buenos Aires querido / cuando yo te vuelva a ver / no habrá más penas ni olvido..."
- Versos de Mi Buenos Aires querido, clássico tango escrito por Alfredo Le Pera em 1934, musicado e imortalizado por Carlos Gardel, assim como outra emblemática composição, El día que me quieras.
A letra fala sobre a beleza da capital portenha, que hoje comemora 437 anos de fundação. A canção com narrativa bela e dolente do tango, na queixa de um bandoneon, compara a cidade ao amor, e retornar ela é a forma de se livrar das dores, da nostalgia, o "te extraño" - o termo saudade em português.
Uma curiosidade: o autor do tango de enorme significado afetivo para os argentinos é brasileiro de nascimento. Em 1930 seus pais, italianos, viajavam pela América do Sul com intenções de morarem em Buenos Aires. Em passagem por São Paulo, a mãe com um barrigão de nove meses deu à luz um niño, em pleno bairro Bixiga, que se tornaria tradicional reduto do samba paulistano.
A família Le Pera seguiu viagem para Uruguai com o bebê de dois anos, e de lá para Argentina.
Alfredo morreu jovem, aos 35 anos. Estava no avião que caiu em Medellin, Colômbia, juntamente com seu grande amigo e parceiro Gardel.

Nenhum comentário: