domingo, 29 de maio de 2011

no mais, estou indo embora...

"Bastou Zé Ramalho surgir no palco para que uma onda de euforia se espalhasse pelo ambiente. Os fãs o receberam com tamanho entusiasmo e reverência, que pareciam estar diante de uma entidade", diz o jornalista Irlam Rocha Lima no Correio Braziliense de hoje, em matéria sobre o show do bardo paraibano, no sábado passado.

O produtor cultural e proprietário do local, Luís Amorim, afirma que desde que começou a promover a Noite Cultural, há cinco anos, nunca havia visto uma resposta tão expressiva do público, superando apresentações de nomes como Erasmo Carlos, Alceu Valença, Zélia Duncan, Elba Ramalho, Moraes Moreira."O público interagiu com Zé Ramalho do começo ao fim do show, num clima de celebração."

Nenhum comentário: