domingo, 22 de novembro de 2015

a volta dos boêmios


A Noite Do Meu Bem - A História E As Histórias Do Samba-Canção.


Até 1946, quando o presidente Eurico Gaspar Dutra proibiu os jogos de azar no Brasil, a noite carioca girava em torno dos grandes cassinos: o da Urca, o do Copacabana Palace, o Atlântico, ou subindo a serra, ao Quitandinha, em Petrópolis.

A canetada presidencial gerou uma legião de desempregados - músicos, cantores, dançarinas, coristas, barmen, crupiês - e um contingente ainda maior de notívagos carentes.

O novo livro de Ruy Castro, uma espécie de biografia dessas noites e seus boêmios anônimos e famosos, será lançado no final deste mês. 

Certeza de mais um texto arrebatador, bom de ler sem parar noite a dentro com meu bem.

Nenhum comentário: