domingo, 7 de junho de 2015

homem de palavra

Paulo Leminski manteve sua palavra. Há 26 anos ele partiu para outros contratos.

Nenhum comentário: