domingo, 27 de março de 2016

como um dia de domingo

Segundo a fé Cristã, a Páscoa é a comemoração do fundamento e da crença que Jesus morreu e ressuscitou no terceiro dia.
Não tem nada a ver com ovinhos e coelhinhos pulando.
O que aconteceu foi que a própria Igreja Católica, lá nos primórdios, preocupada em tornar o Cristianismo mais atraente para os ditos não-Cristãos, misturou a ressurreição de Jesus com rituais de fertilidade que ocorriam na primavera, e ovos e coelhos simbolizam a fecundidade, multiplicação, abundância. Renascimento.
E é do pintor renascentista Rafael Sanzio, a obra acima, Ressurreição de Cristo, 1502.
Encontra-se no Museu de Arte de São Paulo, desde 1954, graças ao historiador e colecionador Pietro Maria Bardi, então diretor da instituição.

Nenhum comentário: