terça-feira, 5 de janeiro de 2016

a vida em ondas como um beijo


Às vésperas do ataque a Pearl Harbor, Burt Lancaster e Debora Kerr se atacam com um beijo numa praia do Hawai, em A um passo da eternidade (From Here to Eternity), de Fred Zinneman, 1953.

Ele é um sargento do exército, ela esposa do capitão interpretado por Montgomery Cliff. Pronto, está montada a estratégia de guerra ali mesmo na base militar na ilha. O que compensa a sequência de um dos mais demorados e salgados beijos da história do cinema.

Nenhum comentário: