domingo, 27 de junho de 2010

o amor é como um grão


Quem poderá fazer
Aquele amor morrer
Se o amor é como um grão
Morre, nasce trigo
Vive, morre pão

http://www.youtube.com/watch?v=ONrfUkBEN6I 

2 comentários:

Clara Angélica Porto disse...

uma das grandes páginas da nossa música. o coração gentil de giló na tristeza da separação de drão, que, por sinal, é figurão

Nirton Venancio disse...

Drão é mesmo um figurão, Clara. Mereceu essa bela canção. E gosto quanto ele diz 'os meninos são todos sãos, os pecados são todos meus"... aliás, essa letra toda é um poema.