quarta-feira, 28 de outubro de 2015

ensaio sobre o amor

“Vivi tudo o que vivi para poder chegar até ela. A Pilar deu-me aquilo que eu já não esperava vir a ter”.
Assim se expressou José Saramago sobre o grande amor de sua vida.
A jornalista, escritora e tradutora espanhola Pilar Del Rio tinha 36 anos quando conheceu e casou-se com o escritor português.
Leu todos os seus livros e apaixonou-se pelo escritor. Pediu para conhecê-lo e amou homem.
Por 24 anos viveram um para o outro e os dois para a literatura.
O ótimo documentário “José e Pilar”, de Miguel Gonçalves Mendes, lançado cinco meses depois da morte de Saramago, em 2010, é um ensaio sobre o amor de personagens que são o amor por si só.

Nenhum comentário: