domingo, 25 de março de 2007

cinema brasileiro em Guadalajara

Hermila Guedes em "O céu de Suely", de Karim Aïnouz. Foto VideoFilmes


Filmes, exposições de cartazes e fotografias do cinema brasileiro invadiram as dependências do 22º Festival Internacional de Guadalajara, que ocorre no México até a próxima sexta-feira e ainda celebra Nelson Pereira dos Santos, com a exibição de quatro filmes de fases distintas de sua carreira: "Vidas secas" (1963), "O amuleto de Ogum" (1974), "Tenda dos milagres" (1977) e "Brasília 18%" (2006).

Além da apresentação de 11 dos 40 vídeos realizados no primeiro ano do projeto Revelando os Brasis, da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura em parceria com o Instituto Marlin Azul, o festival ainda homenageará o Brasil com a exibição de "O céu de Suely", de Karim Aïnouz, e a retrospectiva Panorama do Cinema Brasileiro, com a apresentação de "O homem do ano" (2003), de José Henrique Fonseca, e "Wood & Stock: sexo, orégano e rock’n’roll" (2006), do gaúcho Otto Guerra.
A mostra de cartazes inclui peças confeccionadas pelo artista gráfico Fernando Pimenta. 70 fotografias do cineasta e fotógrafo Walter Carvalho compõem a outra exposição programada.

Fonte Correio Braziliense

Nenhum comentário: