domingo, 7 de fevereiro de 2010

se todos fossem iguais a você

foto Arquivo NV

"Nada possuir, nada carregar, nada pedir, nada calar e, sobretudo, nada matar", um dos lemas de Dom Pedro Casaldáliga, apostólico da prelazia de São Félix do Araguaia.

Sua total dedicação a atividade pastoral o tornou alvo de inúmeras ameaças de morte. Durante a ditadura militar, foi por cinco vezes ameaçado com processos de expulsão do Brasil.

Dom Pedro completará 82 anos no próximo dia 16. Está com a saúde física debilitada pelo mal de Packinson, mas a cabeça lúcida e o coração cheio de vida!

Um comentário:

Selma Santiago disse...

O pouco que conheço de Dom Casaldáliga sempre me impressionou. É um mesmo um grande ser humano.