terça-feira, 30 de janeiro de 2007

filmando a memória

foto Cristina Pereira

Manhã de uma sexta-feira na ensolarada cidade de Camocim. Quintal de antiga casa no bairro Cruzeiro. Vamos rodar uma cena de tingimento de cordas que serão usadas para confecção de redes de tucum, uma espécie de palmeira de cujas grandes folhas se extrai uma fibra forte.
A cena está prevista na parte ficcional do filme "Dim", de Nirton Venancio.

Acima, um flagrante da equipe de fotografia: em pé, conferindo o monitor, o assistente de câmera Alex Meira; sentado, na captação de um melhor enquadramento, o diretor de fotografia Roberto Iuri; à direita, empunhando uma Nikon, o still Rubens Venancio.

2 comentários:

Claudio eugenio luz disse...

Rapaz, trabalheira para criar arte. Já sabia que filmar exigia folego longo, mas vendo as fotos comprovo que exige muito mais. Tô gostando de acompanhar. Quantas pessoas na equipe e no elenco? As cores são lindas. E a luz?

hábraços

Nirton Venancio disse...

Cláudio, nessa etapa inicial reduzi o mínimo possível o número de pessoas: sete na equipe técnica, dois atores e alguns figurantes. Mas vai aumentar.
Realmente as cores são fascinantes. Com estou fazendo um filme sobre um artista plástico, quero ser fiel ao colorido do seu trabalho. A luz do Ceará é muito cúmplice da fotografia.