quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

vendedor de sonhos

foto Cristina Pereira

Cena 16 - Externa/Dia
Centro da cidade de Camocim. Mercado central. Dim passeia pelos locais onde fazia compra cedo da manhã, muitas vezes com o pai.

“Quando eu vinha ao centro da cidade e via os camelôs vendendo remédio, com aqueles bonecos de ventríloquo... e abria uma mala, tirava uma cobra, tirava um teste... eu gostava demais daquele movimento e sempre me influenciou muito. Eu via aquelas coisas, eu queria fazer! Esculpia umas cabeças em talo de coqueiro, e me cortei várias vezes com o facão".

Dim aproxima-se de uma pequena multidão no meio da praça. As pessoas, curiosas, estão em volta de um vendedor que vende remédio natural para cura de todas as doenças.

Dim chega mais perto. O vendedor, usando roupas coloridas e com um ventríloquo no colo, é o próprio Dim fantasiado. Dim olha a si mesmo e se diverte.

Boneco ventríloquo que fala e fala e fala.


Trecho do roteiro do documentário-ficção "Dim", de Nirton Venancio, em realização na cidade de Camocim, sertão-litoral do Ceará.
Na foto acima, o vendedor Luis Arruda, o artista plástico Dim e o boneco Zé Bocão.

3 comentários:

Claudio Eugenio Luz disse...

Daí, quatro flagrantes. Moço, a coisa tá a todo vapor. Tô gostando de ver e ler.

Claudio Eugenio Luz disse...

Espero acompanhar e ver em primeira-mão.Avante e saudações.

Anônimo disse...

Se incomoda se eu colocar um link no Um Que Tenha?